E rolou a festa

Xavante vence o Guarani-SC e termina primeiro turno na liderança do grupo 7 da Série D

vs_guaranisc001

Nena marca duas vezes e comemora com a massa Xavante. Foto: Italo Santos

♫♫♫♫ E a Boca do Lobo, é salão de festas, da Xavantada sim… ♫♫♫♫…

Foi nesse ritmo que a torcida Xavante fez a festa na Boca do Lobo na tarde desse domingo na vitória de 2 a 0 sobre o Guarani de Palhoça. A partida fechava o primeiro turno do grupo 7 do campeonato brasileiro da Série D e mais uma vez o Brasil jogou “fora de casa”. Foi um jogo enjoado mas com total domínio do Brasil. Na primeira etapa o Brasil pressionou o time de Santa Catarina desde os primeiros minutos. Em dois lances dentro da área do Guarani, dois penaltis não foram marcados pelo árbitro da partida. Já no terceiro, ele não teve como não marcar. Nena foi para a cobrança e marcou. Na segunda etapa o jogo seguiu com controle do Brasil mas com o Guarani mais organizado em campo. E foi em uma bola parada, mais uma vez, que o Brasil matou a partida. Wender cobrou a falta na pequena área e Nena colocou para dentro, de cabeça.

Com a vitória o Brasil chegou aos nove pontos e assumiu a liderança do grupo 7 da Série D. Na próxima rodada o time da Baixada folga e volta a jogar no dia 31/08 contra o mesmo Guarani, em Palhoça. Depois recebe o Maringá, sai para enfrentar a Cabofriense e encerra contra o Ituano na Baixada. Nesse meio tempo, acontecerão dois clássicos contra o Pelotas válidos pela Copa Fernandão. Mas, como disse o presidente Ricardo Fonseca, o foco é a Série D. Se precisarmos poupar jogadores na Copinha, eles serão poupados. Mas aí tudo fica à cargo do nosso comandante Rogério Zimmermann. Ele conhece o elenco melhor do que ninguém. E vale lembrar que o Brasil chega aos 75% de aproveitamento na Série D sem ter jogado no Bento Freitas. É uma grande marca.

E a torcida do Brasil, hein? Como sempre falamos aqui no Blog, não se faz mais comparações entre torcidas na cidade de Pelotas. Mas vale o registro da invasão à Boca do Lobo. As duas únicas arquibancadas liberadas para a partida receberam um grande público. A da Bento Gonçalves estava lotada e a da Amarante com 90% de sua ocupação. Muito diferente dos dias de jogos do proprietário do estádio. Não adianta, tem que olhar, pra aprender…

FICHA TÉCNICA

G.E.Brasil: Eduardo Martini, Wender, Cirilo, Ricardo Bierhals (Fernando Cardozo) e Rafael Forster; Leandro Leite, Washington (Ricardo Schneider), Márcio Hahn (Zotti); Felipe Garcia, Alex Amado e Nena. Técnico: Rogério Zimermmann.
Guarani-SC: Rodrigo Rocha, Cleyton Garcia (Luizinho), Marcão, Cacá e Kapa; Fábio Fidelis (Egon), Evandro, Michel, Douglas (Marcinho), Tauã e Diogo Dolem. Técnico: Amaro Junior.
Cartões amarelos: Cirilo, Bierhals, Zotti e Felipe Garcia (Brasil); Rodrigo e Cleyton Garcia (Guarani).
Arbitragem: Rodrigo Batista Raposo, auxiliado por Ciro Chaban Junqueira e Lucas Torquato Guerra.
Estádio: Boca do Lobo.
Gols: Nena aos 20′ 1º tempo e aos 28′ 2º tempo.

CLASSIFICAÇÃO

1° – G.E.Brasil – 9 pontos
2° – Maringá – 7 pontos
3° – Guarani de Palhoça – 5 pontos
4° – Ituano – 4 pontos
5° – Cabofriense – 3 pontos

VÍDEOS

Compacto Blog Xavante

Deslocamento da torcida Xavante até o Boca do Lobo – Imagens da internet

Os gols – Imagens Rede Esportiva

O gol de penalti – Assessoria de imprensa GEB

ÁUDIOS
*capturados das Rádios Pelotense AM e Universidade AM









Comentar

Nossos parceiros

?>