Placar em branco no clássico

Clássico termina sem gols e decisão ficou para o jogo da Boca do Lobo domingo

vs_pelotas_081

Gustavo Papa tentou no jogo aéreo mas placar não saiu do zero. Foto: Italo Santos

Em clássico Bra-pel válido pela Copa Fernandão, o placar não saiu do zero na noite dessa quarta na Baixada. Em um jogo muito ruim tecnicamente, a maior posse de bola foi do Brasil, porém as oportunidades não foram aproveitadas. O treinador Rogério Zimmermann escalou um time reserva para a partida. Somente na segunda etapa que Felipe Garcia, Leandro Leite e Márcio Hahn entraram. Na coletiva o treinador rubronegro deixou claro que a prioridade é a Série D. Zimmermann já anunciou que para o próximo clássico no domingo, na Boca do Lobo, o time reserva será novamente escalado.

E não podemos discordar do nosso comandante. O que vale essa Copinha? Que é bom ganhar um clássico, disso sabemos. Mas é bom para nós, torcedores. Para um projeto futuro do clube, o que vale é um acesso para a Série C. E para isso é bom descansar nossos principais jogadores para a próxima partida em Palhoça, dia 31/08. Já pensou se o Alex Alex Amado ou Nena entra no clássico e se machuca? Seria um prejuízo enorme. Talvez o jogo feio tenha sido o motivo de parte da torcida ter ficado descontente com a partida de hoje. Depois que subirmos para a Série C, ninguém se lembrará dessa Copinha.

E nas arquibancadas foi uma surra de relho dada pela torcida Xavante, como de costume. Não há comparação.

Então a decisão ficou para o próximo domingo. Com time titular, com time reserva, classificado ou não, nosso foco é outro. Como dar crédito a uma competição que um time eliminado em um mata-mata ainda pode se classificar? Por favor, né?!

FICHA TÉCNICA

G.E.Brasil: Anderson; Wender, Fernando Cardozo, Ricardo Schneider e Brock; Nunes, Gustavinho (Leandro Leite), Zotti (Márcio Hahn) e Léo Dias (Felipe Garcia); Eder e Gustavo Papa. Técnico: Rogério Zimmermann.
E.C.Pelotas: Matheus Cavichioli; Pedrão, Thiago Gasparetto e Fábio Gaúcho; Marcos Rogério, Tiago Gaúcho, Claytinho (Mikael), Bruno Renan(Cleber Oliveira) e Jhonatan; Gilian(Márcio Gabriel). Técnico: Julinho Camargo.
Data: 20 de agosto de 2014.
Local: Estádio Bento Freitas, em Pelotas(RS).
Horário: 20 horas.
Arbitragem: Jean Pierre Gonçalves Lima, auxiliado por Vinicius Palau Santos e André Guimarães Peil.
Cartões amarelos: Pedrão, Tiago Gaúcho (Pelotas) e Brock e (Brasil).

ÁUDIOS
*capturados das Rádios Pelotense AM e Universidade AM









Comentar

Nossos parceiros

?>