Primeira derrota em casa

Primeira derrota em casa

Na busca pela terceira vitória consecutiva no Campeonato Brasileiro da Série B, o Brasil recebeu o Ceará na tarde desse sábado no Bento Freitas mas o jogo não foi nada fácil.

Nos três primeiros minutos de partida o Brasil partiu pra cima do Ceará, buscando imprimir aquela pressão inicial comum do time quando joga em casa. Algumas chances foram criadas pelo ataque Xavante mas quem marcou foi o Ceará. Aos cinco minutos, em cobrança de escanteio, Rafael Pereira se desvincilhou da marcação de Evaldo e cabeceou no canto esquerdo de Eduardo Martini. O goleiro rubro-negro não se jogou na bola pois ali estava Wender, com a incumbência de afastar a bola. Porém o lateral furou bisonhamente e a bola entrou. A partir do gol, o jogo ficou feio e poucas chances de gol foram criadas na primeira etapa. As mais claras, pelo lado do Brasil, foram em uma cabeçada de Bruno Lopes e em um chute de Rafinha. No final do primeiro tempo o Brasil fez uma blitz com escanteios consecutivos mas sem conseguir colocar a bola pra dentro.

Já na segunda etapa o jogo foi outro. Já aos 11 minutos, em bola para parada, Lincom deu um tiro de cabeça e o goleiro Éverson tirou em cima da linha. O Brasil tinha controle do jogo mas novamente quem marcou foi o Ceará. Em uma bola perdida por Rafinha no meio do campo, Tiago Cametá deu belo passe para Arthur que bateu de primeira, da entrada da área, e marcou belo gol. Era o dois a zero.

O jogo era encardido, com o Ceará fechado e o Brasil buscando o ataque. Quando Marcinho entrou no lugar de Bruno Lopes, o Brasil conseguiu ser mais efetivo. Em sua primeira jogada, Marcinho invadiu a área pela direita e passou para Wagner que girou e bateu de perna esquerda, mas o goleiro Éverson fez uma linda defesa e evitou o primeiro gol Xavante. Mas aos 28 minutos Éverson não teve como evitar. Marlon deu belo passe para Lincom na entrada da área e o camisa 9 Xavante driblou o goleiro e bateu de perna esquerda para o fundo das redes. O Brasil tinha mais 20 minutos para buscar o gol de empate.

Nessa hora a torcida Xavante cresceu junto com o time e o gol de empate não demorou a sair. Aos 35 minutos, em cobrança de falta pela esquerda, Marlon cruzou na área e Evaldo cabeceou para mais uma grande defesa de Éverson. Mas no rebote do goleiro cearense, Lincom cabeceou no canto oposto do goleiro e marcou o seu segundo com a camisa rubro-negra. Agora o Brasil tinha mais 10 minutos e os acréscimos para marcar mais um gol e comemorar a centésima vitória do clube em competições nacionais jogando no Bento Freitas.

Naquela altura do jogo, o empate já não era mau resultado. Mas o castigo veio no final. Aos 45 minutos, Rafael Carioca recebeu a bola passando o meio de campo totalmente sem marcação, adiantou a bola e sentou-lhe o chinelo. A bola foi rápida, raspando a trave direita de Martini, e entrou. Era o gol da vitória do Ceará e a primeira derrota Xavante jogando no Bento Freitas na Série B.

Com a derrota o Brasil estacionou nos oito pontos e caiu para a 11ª posição no campeonato. A próxima partida será já na terça-feira contra o Luverdense fora de casa, às 21:30h.

Foto: Paulo Rossi/Diário Popular

ÁUDIOS

*capturados da Rádio Pelotense AM

VÍDEOS

Melhores momentos – Imagens Premiere









Comentar

Nossos parceiros

?>