G.E.Brasil 2×1 14 de Julho

Xavante vence o 14 de Julho e está na final da Copa Hélio Dourado

Torcida Xavante deu show no Bento Freitas: Foto: Diogo Coelho

Foi daquele jeito. Sofrido. Mas não poderia ser de melhor forma. De virada, o Xavante venceu o 14 de Julho por 2 a 1 e está na final da Copa Hélio Dourado.

Foi uma blitz daquelas. O 14 de Julho não respirava na primeira etapa. Eram chances e mais chances de gols disperdiçadas. Mas, futebol tem dessas coisas. O 14 de julho saiu na frente do placar na primeira etapa depois de falha do goleiro Luiz Muller. É, minha gente, ele também falha. Se seguir nessa média de cinquenta partidas nos salvando e falhando em uma, está ótimo. Ele tem créditos de sobra com a torcida. Mas o G.E.Brasil foi para o intervalo com o resultado adverso e com a classificação ameaçada. O sacode dado pelo treinador Rogério Zimmermann funcionou. Já voltou com duas alterações para o segundo tempo, saindo Marcos Denner e Eder Silva, entrando Márcio Jonatan e Alexandre.  O Brasil voltou ligado em 220V. Seguiu a blitz do primeiro tempo e aos 10 minutos Márcio Jonatan marcou um golaço da entrada da área. Com o 1 a 1 a partida iria para os penaltis. Mas a blitz Xavante prosseguiu, até o segundo gol marcado pro Alex Amado. Um baita golaço. Depois disso o 14 de julho tentou ir a frente mas o Brasil tomou conta do jogo e garantiu a classificação à final.

Falar sobre torcida em Pelotas é como chover no molhado. Não discutiremos mais quem é maior, quem é mais fiel, quem é mais participativa, etc… não existem parâmetros para comparação. A torcida do Brasil é única. A Baixada estava linda na tarde desse domingo. Não temos que provar nada a ninguém, temos apenas que sentir o prazer de poder ver o G.E.Brasil jogar e nos alegrarmos com isso. A essência do futebol estava nas arquibancadas do Bento Freitas hoje. Viva o futebol do interior. Viva o futebol de verdade.

Pelas declarações dos diretores Xavantes, o Brasil já tem garantido uma vaga da Copa do Brasil ou para a seletiva para a Série D, essa frescura que a FGF inventou. Se a FGF não fosse tão ridícula, tudo estaria esclarecido. Mas não, eles brincam com os times do interior.

Agora é aguardar o adversário da final. Jogam amanhã em Porto Alegre Internacional e Juventude, às 20:15h. O Juventude ganhou a primeira partida por 1 a 0 e joga pelo empate.


FICHA TÉCNICA

G.E.Brasil: Luis Müller; Éder Silva (Alexandre), Cirilo, Fabiano Eller e Tiago Saletti; Wender, Washington, Moisés e Marcos Paraná (Jonas); Alex Amado e Marcos Denner (Márcio Jonathan). Técnico: Rogério Zimmermann
14 de Julho: Yai; Moisés, Dakimalo, Léo Korte e Luis Paulo; Alexandre, Marcelo (Vinícius) e Fernando Lima; Foletti, Reinaldo e Michel. Técnico: Julio Batisti
Arbitragem: Marcio Coruja, auxiliado por Paulo Ricardo Conceição e Vilmar Burini.
Cartões amarelos: Luis Müller, Cirilo, Moisés, Washington e Jonas (G.E.Brasil); Yai, Dakimalo, Foletti e Reinaldo (14 de Julho).
Cartão vermelho: Fernando Lima (14 de julho).
Gols: Márcio Jonathan e Alex Aamdo (Brasil); Foletti (14 de Julho)


FOTOS

by Carlos Insaurriaga e capturadas de redes sociais


COMPACTO BLOG XAVANTE


ÁUDIOS

*capturados das Rádios Pelotense e Tupanci









Nossos parceiros

?>