A polenta azedou e o Brasil segue na liderança

A polenta azedou e o Brasil segue na liderança

O JOGO

Em busca da manutenção da liderança do grupo B do Campeonato Brasileiro da Série C, o Brasil foi à Caxias enfrentar o Juventude e voltou com a vitória. Foi um jogo sensacional. O Brasil fez uma grande partida e volta para Pelotas invicto e líder isolado.

O Juventude abriu o placar logo aos 18 minutos da primeira etapa com Maílson, em um pombo sem asa de fora da área. Aos 24 minutos Diogo Oliveira foi derrubado na área e Chico Neto marcou pênalti. Leandrão cobrou com perfeição e empatou a partida. Quando parecia que não teríamos mais emoções nos primeiros quarenta e cinco minutos, Wallacer marcou para o Juventude em cobrança de falta aos 44 minutos. Falta, aliás, bisonhamente cometida por Cleiton. Ir para o vestiário com a derrota não seria nada bom. Mas na saída de bola, Leandro Leite lançou para Leandrão que tentou ajeitar e a bola sobrou para Alex Amado. O Baixinho pegou de primeira e marcou um golaço, de fora da área. Tudo igual no Jaconi.

Na segunda etapa o Juventude viria pra cima, pois o empate manteria o Brasil na liderança do grupo. Mas Leandrão acabou com as esperanças dos gringos logo aos 2 minutos. Wender cobrou escanteio e Washington desviou no primeiro pau. A bola sobrou nos pés do matador Xavante e sem dificuldades ele empurrou a peronha para dentro. O Juventude ainda teve Jô expulso após falta em Xaro. Dali em diante as grandes chances de gols foram do Brasil. Rogério Zimmermann foi mexendo na equipe e o Brasil segurou o grande resultado no Alfredo Jaconi.

Com o resultado o Brasil chegou aos 20 pontos e lidera o grupo B três pontos a frente do Tupi e Juventude. E o melhor, já abriu cinco pontos do quinto colocado, a Portuguesa. Nesse domingo o Guarani recebe o Guaratinguetá fechando a décima rodada. A próxima partida do Brasil é contra a Portuguesa no estádio Bento Freitas no dia 10 de agosto, segunda-feira, às 20:15h. A partida será transmitida pelo canal Esporte Interativo ao vivo para todo país.

Como sempre falamos aqui no blog, o momento que estamos vivendo é sensacional. O Brasil consegue manter um nível de apresentação impressionante. É muita consistência. Somos os únicos invictos entre as três maiores divisões do país e temos o artilheiro da competição, Leandrão, com 9 gols. Estamos no caminho certo e precisamos seguir firmes no trabalho.

Lembrando que em um passado não muito distante a diferença entre nós e os gringos era gigante. Estávamos sem divisão no nacional e amargando há anos na segunda divisão gaúcha. Éramos motivo de chacota da imprensa e torcida caxiense. Agora as coisas mudaram. Nos últimos cinco jogos em Caxias do Sul, vencemos quatro e empatamos um. Somos os bi-campeões do interior e líderes da Série C. Aquela arrogância e soberba dos gringos sucumbe a cada apresentação do Brasil. Tem que aceitar. A negrada voltou.

FICHA TÉCNICA

Juventude: Elias; Duda, Diogão, Negueti e Adriano; Vacaria, Fabrício (Zulu), Wallacer e Obina (Erik); Jô e Maílson (Paulo Bayer). Técnico: Picoli.
G.E.Brasil: Eduardo Martini; Wender (Cirilo), Leandro Camilo, Fernando Cardozo e Xaro; Leandro Leite, Washington, Cleiton (Felipe Garcia) e Diogo Oliveira; Alex Amado e Leandrão (Nena). Técnico: Rogério Zimmermann.
Local: estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul.
Data: 01/08/2015.
Horário: 19h.
Arbitragem: Francisco Silva Neto, auxiliado por José Eduardo Calza e Lúcio Beirsdorf Flor.
Cartões amarelos: Diogão, Negueti e Frabrício (Juventude); Xaro e Cleiton (Brasil).
Cartão vermelho: Jô (Juventude).
Gols: Maílson aos 18′ e Wallacer aos 44′ do 1º tempo (Juventude); Leandrão aos 24′ do 1º tempo e aos 2min do 2º tempo e Alex Amado aos 46′ do 1º tempo (Brasil).

ÁUDIOS

*capturados da Rádio Pelotense AM

VÍDEO

Os gols da partida

 

 









Nossos parceiros

?>