Uma Torcida, um time e dois estádios | Ivan Schuster

É companheiro, quando a fase chega, você sabe que ela chegou e que veio para ficar. Talvez, não para sempre, mas por um bom tempo. É melhor ir se acostumando. Se tu és do lado de cá, vibra, pula, grita e aproveita. É tempo de ser feliz. Agora, se tu és do lado de lá, aí, meu cumpadi, resta-te chorar.

Confesso que, as vezes, fico até meio sem jeito. Existem situações que não sei como agir. Estão ali, na minha frente, gremistas, colorados polentas ou outros menos cotados, querendo falar de futebol, mas ficam inibidos na minha presença. Fazer o que? Sou líder, pertenço a uma Torcida admirada até pela imprensa esportiva do centro do país. Assim fica difícil ser humilde. Outro dia chegou alguém e perguntou: Tu és gremista ou colorado? Respondi de forma simples e direta: Nenhum, sou Xavante. E ainda acrescentei: Sou líder. O cara ficou com cara de balão murcho. Sentiu-se diminuído, pequeno, insignificante. Senti até pena, ou não. Que momento! Chora, secador! Chora mais um pouquinho, deve estar doendo muito.

Mas a liderança, sabemos todos, é efêmera. O que hoje é, amanhã pode não ser mais. Diz o dito popular, que não há bem que sempre dure e nem mal que nunca acabe. Aproveitemos, pois, este momento que é nosso e de mais ninguém. Os demais que sentem e assistam, pois o espetáculo já começou e está muito bonito.

O time está ajustado, o clube vem crescendo e se estruturando, mas o que realmente chama a atenção é a presença marcante da Torcida Xavante. Ultrapassamos todos os limites. Quebramos todas as barreiras. Não deixamos mais dúvidas sobre a força, a alegria e a sintonia que temos com o time. Somos um só. Vamos aonde você for, meu Xavante, só para ver você jogar. Somos a Torcida que tem um time, e agora, dois estádios.

Digo sempre que ser Xavante não é para qualquer um. É uma questão de estado de espírito, de leveza e pureza da alma.

Alguns, certamente de alma pequena, chegaram a afirmar que uns degraus a mais seriam o nosso limite. Mediram-nos com suas réguas toscas, ilusórias e fictícias, como se fossem o padrão de comparação, o centro do universo. Quebraram a cara, outra vez. Um dia aprenderão a não cometerem heresias. Cuidado, pecadores, o inferno vos aguarda. Ops, havia esquecido, já estão nele.

O espetáculo Xavante não tem lugar para acontecer. Se nossa casa necessita de reformas, certamente as faremos. E as faremos outra vez e novamente, sempre que necessário for. Dedicação e vontade não nos faltam. Mas até que tudo fique pronto, não pararemos de apoiar, de cantar e de festejar. Nem que tenhamos de ir ao Rio de Janeiro(sim, iremos). E se mais espaço nos derem, mais o preencheremos. E se nos desafiarem, aceitaremos e venceremos. Pois nada é demais para a Maior e Mais Fiel Torcida do Interior do RS. Aceitem que dói menos. É fato, é realidade, está comprovado. Não inventamos, fizemos. A vocês, os secadores de plantão, os de alma pequena, os aflitos, os não agraciados com a benção de terem nascidos Xavantes, resta tão somente e unicamente, chorarem. Chorarem desesperadamente, até o fim de seus dias e ainda pela eternidade, pois, como diria o sábio poeta, a inveja é uma merda. Credo, humilhei.

+++++++++++++

Onda Xavante – 10 anos

Neste mês de março, a Onda Xavante completa 10 anos de atividades na promoção das marcas do GEB e da Torcida Xavante. Tenho uma satisfação imensa de participar deste grupo desde o seu momento inicial, pois deu-me a alegria de poder contribuir um pouco com a manutenção e crescimento do meu clube e, principalmente, por ter tido a oportunidade de conhecer excelentes pessoas e de fazer boas e edificantes amizades. Digo sempre que ser Xavante não é para qualquer um. É uma questão de estado de espírito, de leveza e pureza da alma. Somos o torcedor em seu estado bruto, puro, original. Ninguém torna-se Xavante, já nascemos Xavantes. Nascemos, nos unimos, e unidos sempre podemos fazer mais e melhor. A Onda Xavante é uma prova disto, com muito orgulho. Obrigado João Garcia(JG) pelo pontapé inicial. Obrigado e parabéns a todos os integrantes deste grupo. Vocês fazem a diferença.

Abs.


Ivan Schuster
Onda Xavante

Este post conta com o apoio de BrahmSoftware.com – Criação de Sistes em Pelotas









Comentar

Nossos parceiros

?>